PAÇO DO LUMIAR: Vereador dispara: Prefeitura estava se livrando de material

O Vereador Paulo Henrique (Avante) faz nova denúncia em que alerta sobre o caso ocorrido no final da semana passada (16/04), sobre a apreensão do caminhão com mais de 10mil litros de álcool em gel vencido que serviriam para o combate ao COVID19 e estavam sendo transportado por um caminhão de responsabilidade da prefeitura municipal de Paço do Lumiar-MA, de forma irregular, pois, o motorista em questão não havia habilitação de motorista com especialização para transportar produtos perigosos, como também, sem oferecer as condições de segurança obrigatória exigida pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB), além disso, não havia nota fiscal dos produtos transportados e o que é pior, o material (álcool em gel) mais de 10mil litros TODOS VENCIDOS! 

Contudo, o vereador alerta:

Ver. Paulo Henrique

“A prefeitura estava descartando esse material vencido, ou seja, se livrando para se eximir da culpa, devemos observar com mais cautela essa situação, pois, em nenhum lugar do mundo o fornecedor tem obrigação de trocar o material vencido, sendo que foi entregue o produto com a data de validade em dias. Irei me silenciar sobre esse assunto, haja vista, não ser o papel do vereador em investigar ou julgar ações criminais, cabe ao MP e a Polícia Federal, bem como a justiça, destrinchar o desfecho dessa história. Na semana passada, estávamos discutindo o possível super faturamento da compra desses álcool em gel e coincidentemente esses produtos foram apreendidos e sem nota fiscal, pois, no momento da apreensão, por volta das 18h, não havia nenhuma documentação, em seguida, foi apresentada uma nota fiscal datada do dia com o horário de 20:32 (vinte horas e trinta e dois minutos), ou seja, só foi emitida a nota fiscal, em detrimento da apreensão, tudo leva a crer que a gestão da prefeita Paula da Pindoba, estaria se livrando, descartando as possíveis provas do desperdício e/ou do material superfaturado”. Comentou o Ver. Paulo Henrique (Avante) em sessão remota da Câmara.

A situação da Prefeita Paula da Pindoba (PCdoB), não está fácil para explicar o ocorrido, pois, quanto mais se comenta mais se atrapalha. Isso, é fruto de uma má gestão e péssima equipe de secretariado e assessores, pois, disso tudo, ainda há resquícios da inabilidade do antigo secretário de Saúde, João Muricy, da atual secretaria e da prefeita Paula que tenta se justificar informando que não tem conhecimento do assunto por estar nas mãos de sua equipe. O que acontece é uma lambança com a coisa pública e com o erário, aonde ninguém quer assumir a culpa e todos fingem que está tudo bem, demonstrando assim o “zelo no combate ao COVID19 nessa gestão catastrófica. Enquanto isso, pessoas continuam morrendo sem que haja ao menos álcool em gel no município.

Vejam abaixo o momento em que a carga de álcool em gel vencida foi apreendida:

1 pensou em “PAÇO DO LUMIAR: Vereador dispara: Prefeitura estava se livrando de material

  1. Bando de genocidas , essa gestão da prefeitura de Paço do Lumiar, enquanto isso as pessoas estão morrendo por não ter condições de comprar álcool em gel que está um absurdo.¹

Deixe uma resposta