PAÇO DO LUMIAR – Prefeita Eleita Paula Azevedo exonera todo o funcionalismo público

Paula Azevedo (PCdoB), Prefeita Eleita de Paço do Lumiar (MA)

Na noite de ontem (23), Paula Azevedo (PCdoB), encaminhou as secretarias ordem de encerramento de prazo de vigência (sem possiblidade de renovação) para os servidores CONTRATADOS / SELETIVADOS em regime especial (AGENTE ADMINISTRATIVO, AUXILIAR DE DESENVOLVIMENTO INFANTIL (2018 E 2019) TUTOR, CUIDADOR, ESPECIALISTA EM EDUCAÇÃO BÁSICA, INTERPRETE DE LIBRAS, MERENDEIRO, PROFESSOR: EDUCACAÇÃO INFANTIL) lotados em suas respectivas escolas, que no dia 31 de Dezembro de 2020, estará ENCERRADO O PRAZO DE VIGÊNCIA (sem oportunidade de renovação) referente aos contratos de prestação de serviços celebrados com o município de Paço do Lumiar.

A ideia inicial da prefeita eleita Paula Azevedo, é eliminar com os funcionários fantasmas que estão lotados nas secretarias e obviamente, deflagrar a operação “caça-as-bruxas”, no sentido de eliminar aqueles que estavam no município fazendo campanha eleitoral para seus opositores. A prefeita ainda faz uma exigência (verbal), que a partir do dia 1ª de janeiro todos que ficarão lotados, devem transferir o título para o município sob pena de serem dispensados.

O referido aviso foi informado com os seguintes dizeres via whatsapp. Na ocasião, o ofício que nossa equipe recebeu foi do gabinete da SEMED, Ofício Circular nº 28/2020 datado do dia 23 de Dezembro de 2020, valendo para todo o funcionalismo, vejam:

Prezados (as) Gestores, estamos caminhando para o encerramento das atividades pedagógicas nas nossas escolas, segue no ofício circular abaixo, informações a respeito dos servidores seletivados/contratados da Rede Municipal. Att Kênia Guimaraes.

Essa movimentação, está deixando aqueles servidores que apoiaram grupos políticos diferentes com os nervos a flor da pele. Outra questão que está acontecendo é que mesmo aqueles que apoiaram o projeto Paula Azevedo prefeita, estão loucos procurando os vereadores da base da GESTORA com pedidos para que em janeiro eles permaneçam contratados. A situação é de total desespero por todos, afinal, receber uma notícia dessa em meio ao período natalino, não é fácil. Entretanto, a prefeita eleita Paula Azevedo, está certíssima, só assim se elimina os famosos “funcionários fantasmas” e enxuga a máquina pública de sangue sugas.

MATÉRIA: Moreira Neto 
EDIÇÃO: Dr. Canta Pedra, Mário Filho

Deixe uma resposta