Morre em Brasília o ex-deputado federal Alencar Furtado

Ex-parlamentar faleceu na madrugada de segunda-feira (11) aos 95 anos

O ex-deputado federal José Alencar Furtado morreu, na madrugada da segunda-feira (11), no apartamento onde morava, em Brasília, aos 95 anos. Segundo familiares, ele faleceu devido a insuficiência renal.

Alencar Furtado era avô do deputado federal Uldurico Júnior (Pros-BA), que lamentou o falecimento pelas redes sociais. “Ele deixou um legado muito grande. Foi um deputado muito atuante e representou muito bem o seu estado e o nosso País”, disse.

História
Cearense do Araripe, Alencar Furtado teve a carreira política alavancada depois de se mudar para o Paraná, onde se filiou ao MDB. Pelo partido, foi suplente de deputado estadual, depois eleito deputado federal em 1970 e 1974.

Furtado foi o último político a ter o mandato cassado pela ditadura do governo Geisel, em 1977. Durante o período em que teve os direitos políticos suspensos, fez campanha em 1978 para o filho Heitor Alencar Furtado, eleito deputado estadual e assassinado quatro anos depois, quando tentava a reeleição. Após receber anistia política, José Alencar Furtado foi reeleito deputado federal em 1982.

MDB
Em nota, o MDB, partido pelo qual ele exerceu três mandatos de deputado federal, lamentou a morte do ex-parlamentar e disse que ele foi “um grande militante em defesa da democracia”.

Da Redação – AC
Fonte: Agência Câmara de Notícias

Deixe uma resposta