GOVERNADOR FLÁVIO DINO DEIXA ALIADA PAULA AZEVEDO SEM DELEGADO!

Delegacia Especial do Maiobão

A delegacia Especial do Maiobão, não está fazendo ocorrência policial de natureza leve. Isso mesmo, a referida delegacia se encontra de portas fechadas e apenas um agente de portaria contratado (segurança) atende as pessoas na porta, sem se quer abrir o cadeado, quem faz todo esse atendimento é um segurança que orienta as pessoas a procurarem a internet através da delegaciaonline.ma para fazerem suas ocorrências policiais. Segundo o segurança, só é permitida a entrada de populares nas dependências da delegacia se o caso for grave, tipo: tentativa de homicídio, assalto a mão armada, ou brigas de marido e mulher (aonde haja agressão), outros assuntos que não se enquadrem nos referidos acima, deverão ser feitos pela internet.

Atendimento à portas fechadas

O bairro do Maiobão, sempre teve sérios problemas com a questão de atendimento, pois, em um passado nem tão distante, a população tinha que se deslocar para o plantão central do Coahatrac ou da Cidade Operária quando precisava de atendimento após as 17h, creio que a maioria da população lembra. Entretanto, atualmente, com a questão da pandemia global e com os inúmeros decretos do Governador Flavio Dino (PCdoB) de paralisação e lockdown, gerou um certo colapso na segurança pública, pois, a maioria dos delegados plantonistas, já possuem uma meia idade e se enquadram no grupo de risco e não estão indo trabalhar e outros estão doentes.

No caso do Maiobão especificamente, não há delegado para responder pela delegacia desde o início da pandemia e também não há nenhum tipo de previsão para o início de um novo profissional para assumir a unidade, pois, ainda foi informado que TALVEZ haja um novo delegado na unidade, APENAS no dia 01 de junho.

Contudo, “essa história que haverá um novo delegado já é antiga, pois, toda semana é isso, eles marcam, avisam que vai ter delegado que vai vir um novo pra cá e nunca acontece. Eu não tenho internet, não sei mexer nessas coisas, e aí ? como fica a minha situação? Comentou o senhor João Barros que queria reistrar um B.O. sobre ameaças que está sofrendo devido a contrair dívidas devido a falta de trabalho.

Informe com os serviços que serão feitos apenas por meio da internet, fixado na entrada da delegacia

Estivemos esta tarde na Delegacia Especial do Maiobão, por volta das 16h, aonde confirmamos a situação precária que se encontra a unidade, fomos atendidos inicialmente pelo segurança de uma empresa privada que confirmou tudo que relatamos acima.

Enquanto isso, a população vai ficando sem ter serviços públicos que são essenciais para a garantia de seus direitos, pessoas saem com o sentimento de impunidade, daqueles que já sabem como se encontra a situação e o descaso com a coisa pública  com que nossos governantes estão lhe dando, e as pessoas não sabem ao certo quais medidas tomarem.

Só cabe a Prefeita Paula Azevedo (PCdoB), aliada do Governador Flávio Dino (PCdoB), sentar e alinhar pelo menos por telefone, uma solução prática e rápida para que os luminenses não saiam sem o devido atendimento público. Afinal, são do mesmo partido, aliados políticos e amigos, assim, a prefeita em exercício, canta nos quatros cantos da cidade.

Por hora, ficaremos sem o devido atendimento até que seja feito algo. Lamentável.

 

Deixe uma resposta