SÃO LUÍS: Enquanto deputados brigam por apoio do Gov. Flávio Dino, Madeira faz o dever de casa e vem ganhando espaço

Dr. Carlos Madeira (solidariedade), durante lançamento da sua pré-candidatura ao Executivo da capital Maranhense.

Enquanto deputados aliados do governo do Estado “brigam” pelo apoio do Governador Flávio Dino (PCdoB), Madeira vem costurando e fazendo o dever de casa. Com sua forma peculiar de chegar, esclarecendo as coisas e dando norte em possíveis demandas seja da sociedade ou de instituições, o Pré-Candidato ao executivo Ludovicense, Dr. Carlos Madeira, não mede esforços e está com os pés nos chão, percorrendo as comunidades de São Luís com lideranças, amigos e pré-candidatos a vereadores. Ao que tudo indica, Madeira está bem orientado e está mostrando que sabe fazer o dever de casa direitinho.

Com sua inegável credibilidade, o pré-candidato à Prefeitura de São Luís Carlos Madeira (Solidariedade), conquista mais um grande apoio, desta vez do Sindicato de Policiais Civis do Maranhão (Sinpol/MA).

Carlos Madeira (Pré-Candidato a prefeito de São Luis-MA) em visita institucional

O apoio, segundo o presidente do Sinpol/MA, Klinger Moura, resultou da grande confiabilidade que o ex-juiz Federal apresenta. “Madeira tem uma carreira consolidada como juiz federal e estadual, além de promotor, ele nos passa a confiança que precisamos para atender as demandas da categoria”, avaliou.

Madeira ressaltou a importância do apoio e do diálogo com a categoria dos policiais civis, profissionais de extrema importância para sociedade. “É um apoio recíproco, pois respeito e prezo pelo reconhecimento profissional de todos os servidores públicos e, com a categoria dos policiais civis não seria diferente. Fico feliz e honrado em construirmos laços nesta caminhada”, destacou Madeira.

Com sua inegável credibilidade, o pré-candidato à Prefeitura de São Luís Carlos Madeira (Solidariedade), conquista mais um grande apoio, desta vez do Sindicato de Policiais Civis do Maranhão (Sinpol/MA).

O apoio, segundo Klinger Moura, resultou da grande confiabilidade que o ex-juiz Federal apresenta. “Madeira tem uma carreira consolidada como juiz federal e estadual, além de promotor, ele nos passa a confiança que precisamos para atender as demandas da categoria”, avaliou.

Madeira ressaltou a importância do apoio e do diálogo com a categoria dos policiais civis, profissionais de extrema importância para sociedade.

“É um apoio recíproco, pois respeito e prezo pelo reconhecimento profissional de todos os servidores públicos e, com a categoria dos policiais civis não seria diferente. Fico feliz e honrado em construirmos laços nesta caminhada”, destacou Madeira.

Contudo, Madeira vem ganhando espaço e credibilidade junto a sociedade ludovicense, pelo trabalho efetivo nas comunidades mais carentes e claro, com suas inserções precisas nas instituições.

 

DIREITO E JUSTIÇA: Projeto pune por abuso de autoridade agente público que der “carteirada”

Proposta prevê até quatro anos de suspensão do cargo público para o infrator

Luis Macedo/Câmara dos Deputados
Ordem do dia para discussão e votação de diversos projetos. Dep. Júlio Delgado (PSB - MG)

Delgado: “Autoridades usam seu status para se blindar como se fossem cidadãos especiais”

O Projeto de Lei 3871/20 pune o agente público que se utilizar de mandato, cargo, emprego ou função para não acatar as regras e normas jurídicas vigentes. Pelo texto, tal prática, popularmente conhecida como “carteirada”, será considerada abuso de autoridade, sujeitando o infrator à suspensão de 1 a 4 anos.

O projeto será analisado pela Câmara dos Deputados.

A conduta associada à prática da “carteirada” envolve exigir, para si ou para alguém, vantagem indevida, ainda que fora da função ou antes de assumi-la, mas em razão dela. Também será punido por “carteirada” quem desrespeitar ou humilhar outro agente público no exercício legítimo de sua função.

A exemplo da semana passada, tivemos um Desembargador de São Paulo, Eduardo Almeida Prado da Rocha Siqueira, que humilhou e desrespeitou guardas civis que faziam o patrulhamento e fiscalização sobre o uso de máscaras durante a pandemia. O referido caso de prepotência foi veiculado em rede nacional e populares preveem que o CNJ possa punir a ação do mal desembargador.

Autor do projeto, o deputado Júlio Delgado (PSB-MG) argumenta que no Brasil a “carteirada” é uma prática comum e que torna agentes públicos, como fiscais, guardas municipais, auditores, policiais civis e militares, alvos frequentes de perseguição por parte de más autoridades.

Perseguição
“Essas autoridades usam seu status , como foi o caso do desembargador Paulo Siqueira, para se blindar como se fossem cidadãos especiais e não suscetíveis às leis comuns. Essa prática comum faz com que outros profissionais sejam perseguidos ou inibidos pela simples prática correta de suas atividades”, disse.

Em caso de reincidência, pela proposta, fica proibida a substituição da pena restritiva de direitos, impondo–se o afastamento da função pelo tempo da condenação.

Saiba mais sobre a tramitação de projetos de lei.

Reportagem – Murilo Souza
Edição – Roberto Seabra / Moreira Neto

TRÂNSITO: Deputados aprovam urgência para projeto que pune motorista que divulgar infração em rede social

Dep. Federal Christiane de Souza Yared

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou ontem quinta-feira (16) regime de urgência para o Projeto de Lei 130/20, da deputada Christiane de Souza Yared (PL-PR), que pune o motorista que postar na internet vídeos e/ou fotos de infrações de trânsito.

O texto prevê a suspensão do direito de dirigir por 12 meses do condutor que praticar infrações gravíssimas e divulgá-las nas redes sociais, ainda que o ato não tenha sido registrado pelos agentes de trânsito. A proposta também estabelece a cassação da habilitação em caso de reincidência no prazo de dois anos.

Essa medida, tem como principal fundamento, inibir práticas de direção perigosa ao volante e sua consequente divulgação, pois, tal ação é uma clara apologia à prática de crimes no trânsito.

Reportagem – Carol Siqueira
Edição – Marcelo Oliveira / Celimar Alves
Revisão: Moreira Neto

 

PAÇO DO LUMIAR: Até garota de programa aparece como assessora especial com salário de R$ 15 mil na prefeitura

Prefeita Paula era participante de todas as ações do secretário Jameson Malheiros e o Adjunto Anderson Soares…

Mais uma revelação bombástica acerca dos supersalários fabricados na gestão da prefeita Maria Paula Azevedo Desterro, a Paula da Pindoba, no município de Paço do Lumiar.

Apuração do Blog do Domingos Costa constatou que até uma garota de programa consta entre os beneficiados com dinheiro público na folha de pagamento da gestão luminense.

Lotada como Assessora Especial (Simbolo DAS-I), a bela moça possui, na folha, ‘salário base’ de R$ 5 mil, e sobre esse valor, foi acrescido ao seu contracheque mais uma “gratificação técnica de nível superior” de 100% e, ainda, uma “indenização de transporte” equivale a outros 100%. Ao final, o salário da meretriz chegou a 15 mil reais/mês.,

O detalhe é que a moça não possui ensino superior completo e também não tem carro próprio, então, como poderia estar recebendo as duas gratificações?

Obviamente, para não expor a jovem de belas curvas, o Blog do DC optou em manter a identidade da loira preservada.

Ainda não se sabe, porém, se a garota de programa foi implantada na folha pelo então secretário municipal de Planejamento e Articulação Governamental – Jameson Barbosa Malheiros da Silva, ou pelo secretário adjunto de Planejamento – Anderson Medeiros Soares, que é sobrinho do deputado estadual Adelmo Soares.

Era exatamente essa dupla que liderava o esquema criminoso de lavagem de dinheiro por meio da folha de pagamento, tudo com total anuência da prefeita Paula.

A propósito, no próximo dia 1º de agosto, completa precisamente um ano de Pindoba à frente do Executivo Municipal, devido ao problema de saúde do prefeito Dutra.

Na íntegra do blog Domingos Costa 

BANDA MESA DE BAR: É hoje a live da banda que conquistou o Brasil

Luy Diego e Luan Costa

A Banda Mesa de Bar, estará realizando a sua terceira live hoje (17) às 20:00h. A sensação do arrocha em todo o nordeste já está ganhando espaço em todo o Brasil. Talentosos, irreverentes e com muita energia positiva, todos que compõe a Banda Mesa de Bar, prometem fazer o melhor para agradar o seu público e surpreender mais uma vez.

Não percam e acompanhem pelo Canal Oficial no Youtube , BANDA MESA DE BAR, É Amor Demais!!!

PAÇO DO LUMIAR: Blogueiro Neto Cruz é obrigado a retirar matéria depreciativa contra Fred Campos (PL)

Blogueiro Neto Cruz

Por decisão judicial, proferida pelo Exmo Juiz de Direito, Dr. Gustavo Henrique, titular da 93ª Zona Eleitoral de Paço do Lumiar, determinou ontem (14) que a matéria depreciativa veiculada pelo blogueiro Neto Cruz, contra o pré-candidato a prefeito de Paço do Lumiar (MA), Fred Campos (PL), fosse removida imediatamente.

Neto Cruz, vem ultimamente atacando o pré-candidato sem motivo aparente, o que vem desagradando boa parte dos aliados e amigos de Fred. Interlocutores já fizeram inclusive uma analogia de Neto Cruz com relação às suas atitudes em relação ao pré-candidato a prefeito de Paço do Lumiar e o famoso comentário do Ministro Barroso quando se referiu ao Ministro Gilmar Mendes em março de 2018

“me deixa de fora desse mal sentimento, você é uma pessoa horrível, uma mistura do mal com o atraso e pitadas de psicopatia, isso não tem nada a ver…” (fala do Ministro Barroso)

Na decisão, o juz ainda arbitra uma multa diária de (hum mil reais), caso o blogueiro deixe de retirar a matéria negativa do pré-candidato. Vale lembrar, que a decisão se fundamentou também, no fato de que a propaganda eleitoral é regulamentada em Lei de número 9.504/97 que veda qualquer tipo de veiculação seja positiva ou negativa de um candidato.

Veja na íntegra a decisão do magistrado abaixo

a) Ao representado, nos termos do art. 41, § 1o, da Lei 9.504/97, a imediata remoção da matéria intitulada “PAÇO DO LUMIAR – Fred tem rejeição de 73% do eleitorado, aponta pesquisa divulgada por aliados”, no endereço https://netocruz.blog.br/2020/06/18/paco-do-lumiar-fred-tem-rejeicao-de-73-do eleitorado- apontapesquisa-divulgada-por-aliados, sob pena de multa diária de R$ 1.000,00 (hum mil reais), com fundamento no art. 36, § 3o, da Lei no 9.504/97 c/c arts. 10, § 2o, da Resolução TSE no 23.610/2019
b) Intimação desta decisão e a citação dos representados para, querendo, apresentar defesa no prazo legal, nos termos do art. 96, § 5o da Lei no 9.504/1997 e art. 18, § 2o e seguintes da Resolução TSE no 23.608/2019; Cumpra-se. Dou a esta decisão força de mandado.

CLÉBER VERDE: Um dos supostos assassinos dos pais do Dep. Cléber Verde, já vai usar paletó de madeira.

Pais do deputado que foram covardemente assassinados (Foto extraída do blog Domingos Costa)

Seguimos informando que um dos criminosos que assassinaram os pais do Dep. Federal Cléber Verde (PRB), Maria da Graça Cordeiro Mendes e Jesuíno Cordeiro Mendes, já foi abatido pela polícia. Segundo o secretário de segurança do Estado do Maranhão, Jefferson Portela, o suposto criminoso, reagiu à abordagem da polícia militar. Fabinho, como era mais conhecido, morreu no local e seu comparsa, Daniel está preso. A polícia ainda trabalha na hipótese de ter mais pessoas envolvidas na execução bárbara ocorrida ontem em uma propriedade rural da família do deputado.

Segundo relatos do próprio secretário de segurança de Estado, o caseiro, conhecido como Fabinho, já havia sido demitido cerca de trinta dias atrás, pelos próprios pais do deputado.

Abaixo um áudio que explica o caso:

Mais detalhes, seguiremos informando.

Releia as matérias abaixo sobre o ocorrido e entenda o caso:

MÃE DO DEP. FEDERAL CLÉBER VERDE É ENCONTRADA MORTA EM PROPRIEDADE RURAL

TURIAÇU: Confirmado assassinato do pai do Dep. Cléber Verde

SEM INTERNET: Unidades judiciárias de Imperatriz estão sem acesso à internet

O prédio onde funcionam o Juizado Especial Criminal, a Turma Recursal Cível e Criminal e a Vara da Infância e da Juventude da Comarca de Imperatriz está sem acesso à internet. Como consequência, as unidades ficam impedidas de acessar sistemas e o atendimento às partes e advogados ficam comprometidos.

Segundo informações das unidades, o problema decorre do rompimento da fibra óptica, estrutura de cabos da operadora prestadora de serviços responsável pelo fluxo de dados que trafegam na rede mundial de computadores.

Tribunal de Justiça e Corregedoria Geral da Justiça já foram devidamente comunicados. Embora sem previsão para normalização dos serviços, a operadora de telefonia Oi, responsável pela rede óptica, já foi acionada e está trabalhando na realização do reparo.

O prédio no qual as unidades judiciárias funcionam fica localizado na Rua Arturus, s/nº, Parque Senharol (ao lado da Faculdade FACIMP Wyden).

Fernando Souza
Assessoria de Comunicação da Corregedoria
Corregedoria Geral da Justiça do Maranhão

POLÍTICA: Projeto amplia tempo da propaganda eleitoral gratuita nas eleições de 2020

Proposta quer compensar as atividades tradicionais de campanha, afetadas pela pandemia

Maryanna Oliveira/Câmara dos Deputados
Ordem do dia para votação de propostas. Dep. Professora DorinhaSeabra Rezende (DEM - TO)

Deputada Dorinha, durante sessão virtual na Câmara

O Projeto de Lei 3751/20 amplia o tempo de rádio e televisão destinado à propaganda eleitoral gratuita, excepcionalmente, para as eleições municipais de 2020.

Conforme o texto em análise na Câmara dos Deputados, o tempo de rádio e televisão dedicado às eleições para prefeito neste ano será de 30 minutos diários, de segunda-feira a domingo, assim distribuídos:

– das 7h às 7h15 e das 12h às 12h15 no rádio;
– das 13h às 13h15 e das 20h30 às 20h45 na televisão.

Hoje cada propaganda tem 10 minutos, em vez dos 15 previstos no projeto.

Além disso, o texto prevê que, neste ano, as inserções de 30 segundos e 1 minuto ao longo da programação veiculada pelas emissoras de rádio e TV totalizem 100 minutos diários, em vez dos 70 minutos previstos na Lei das Eleições. Os 100 minutos diários terão de ser distribuídos na proporção de 40% para prefeito e 60% para vereador.

Autora da proposta, a deputada Professora Dorinha Seabra Rezende (DEM-TO) busca mitigar os efeitos da pandemia de coronavírus sobre as campanhas eleitorais deste ano. “Atividades tradicionais de campanha como o ‘corpo a corpo’ e a distribuição de material ao eleitor serão afetadas, prejudicando em consequência o debate político e as escolhas dos cidadãos”, destacou.

Na Câmara, já tramita o PL 3639/20, que também visa aumentar o tempo da propaganda eleitoral gratuita neste ano, além de outras propostas que visam alterar as regras das eleições municipais de 2020 por conta da pandemia.

Reportagem – Lara Haje
Edição – Roberto Seabra

TURIAÇU: Confirmado assassinato do pai do Dep. Cléber Verde

Dep. Federal Cléber Verde ladeado dos pais

Infelizmente está confirmada a notícia que o pai do Deputado Federal Cléber Verde (PRB), foi assassinado cruelmente em uma propriedade rural da família no povoado de Limão em Turiaçu-MA. Inicialmente, o corpo da mãe do deputado foi encontrado na sala com vários sinais de espancamentos e perfurações. O primeiro corpo a ser encontrado foi o da mãe do deputado, logo em seguida, a polícia desencadeou buscas para tentar encontrar o pai do deputado que também estava em companhia da sua esposa na propriedade, sabia-se que o mesmo encontrava-se ferido a tiros.

Após as buscas, o corpo do pai do deputado foi encontrado, pondo fim no drama e iniciando a triste notícia do óbito. As autoridades competentes já determinaram o cerco para que ninguém saia da cidade a fim de prender o(os) Meliante(s), que cometeram esse crime bárbaro. Já circula na internet a foto de um possível meliante e por medida de responsabilidade não iremos postar por se tratar apenas de uma suspeita. Também, iremos privar de mostrar fotos chocantes da cena do crime, para preservar a integridade das vítimas e em respeito ao nobre deputado.

Desejamos ao Deputado e seus familiares nossos sinceros sentimentos e estaremos ansiosamente à espera por justiça.