DETRAN-MA RECEBE SOLICITAÇÃO COM CINCO PAUTAS DO INACENFOR A FAVOR DAS AUTOESCOLAS

Ramir Ribeiro, Samuel Martins, Sen. Eliziane Gama, Moreira Neto, durante entrega de documento em favor dos CFC’s

Diretor regional no Maranhão, Ramir Aguiar Ribeiro do Instituto Nacional dos Centros de Formação de Condutores e Cursos Para Educação no Trânsito (NACENFOR BRASIL), por meio do ofício 001/2020, solicita a direção geral do Departamento Estadual de Trânsito medidas para amenizar a situação dos CFC’s no Estado do Maranhão.

Na matéria anterior, REVEJA AQUI, informamos a população sobre a crise que o setor de autoescola está enfrentando em meio a essa pandemia, pois, a categoria já se encontra parada a quase 90 dias, isso mesmo, quase três meses de acúmulo de contas e despesas fixas sem poderem trabalhar. São decretos e mais decretos de paralisação das atividades do segmento.

Entramos em contato com alguns proprietários de autoescolas no município de São Luís – MA, e os mesmos falaram em uníssono, que o futuro é incerto, estão todos receosos com uma possível decadência em massa, outros já desistiram e venderam seus CFC’s e estão operando em outro ramo, entretanto, alguns que nasceram na atividade e conforme já foi dito, em suma, são empresas familiares que nunca passaram por tamanha crise e até o momento não se visualizou nenhuma ação do governo federal para amenizar a situação dos referidos pequenos empresários, na verdade houve uma única ação do governo federal que foi a abertura de crédito de financiamento, porém, segundo interlocutores do segmento de autoescolas fizeram algumas simulações e entenderam que não representava a realidade do Maranhão e de nenhum outro estado da federação, pois, a realizarem uma simulação de um empréstimo de R$70.000,00 (Setenta mil), o pequeno empresário pagaria de volta para os bancos a bagatela de R$ 110.000,00 (Cento e dez mil reais), ou seja, não houve ajuda nenhuma a baixos custos

No ofício protocolado junto ao Órgão Estadual pelo INACENFOR BRASIL, tem cinco pautas, vejamos:

1 – Solicita que sejam reabertos os serviços de habilitação, que estes possam funcionar, tendo em vista, a conclusão dos processos de habilitação respeitando todas as normas da Organização Mundial da Saúde (OMS), levando em consideração aulas teóricas (em sala de aula) presenciais, mantendo distanciamento e redução de alunos e aulas práticas com agendamento em horário marcado com higienização do aluno/instrutor/veículo;

2 – Credenciamento automático para todas as autoescolas até 2021;

3 – Credenciamento das Clínicas até 2021;

4 – Credenciamento de instrutores, Diretor de Ensino e Diretor Geral, até 2021;

5 – Prorrogar o credenciamento da frota de veículos de fabricação 2012 para rodarem até 2021.

Baixe ou visualize o ofício na íntegra do Diretor Regional do INACENFOR, AQUI!!!

Tais medidas, seriam cruciais para que haja uma parceria do governo estadual no sentido de manter a categoria viva, pois, muitos já se encontram negativados no SPC, SERASA por atrasos de pagamentos oriundos da falta de operacionalização do trabalho. Essas seriam as medidas iniciais para que posteriormente fossem tratadas outras questões para amenizar os prejuízos causados pela paralisação devido a pandemia.

DIREÇÃO DO DETRAN REVELA QUE POSSIVELMENTE AUTOESCOLAS NÃO FUNCIONARÃO NO MÊS DE JUNHO

Autoescolas em todo o estado do Maranhão, já estão a quase 3 meses fechadas por conta dos decretos editados pelo governador Flavio Dino (PCdoB), foram essas empresas, que desde o primeiro decreto, tiveram suas portas fechadas como se estivessem cumprindo uma espécie de LockDown, pois, as autoescolas para funcionarem, precisam que o Detran esteja também em funcionamento e o que é pior, muitas pessoas não sabem que existem outras empresas que operam dentro das autoescolas, são as famosas empresas de telemetria e estas empresas por determinação do governo parou de funcionar objetivando a parada total das aulas teóricas e práticas nas autoescolas. Mesmo que o proprietário da autoescola queira abrir o estabelecimento, ele esbarra no sistema que não libera para iniciar as aulas.

Entenda um pouco o caso:

Com a obrigatoriedade do uso dos simuladores de trânsito em meados de 2015 / 2016 em todo o território nacional, empresas tecnológicas de software, credenciaram suas empresas para explorar esse nicho de mercado, ou seja, como deveria ser homologado pelo DENATRAN e as exigências são absurdas para que uma pequena empresa pudesse homologar, apenas as grandes e afortunadas empresas conseguiram se credenciar para operar nessa atividade, ou seja, uma empresa era credenciada no DENATRAN E POSTERIORMENTE NO DETRAN DE CADA ESTADO para operar dentro de outra empresa, no caso, dentro das autoescolas.

Com o fim da obrigatoriedade dos simuladores em junho de 2019, desonerou a população, facilitou o acesso a tão sonhada carteira de motorista, porém, alguns DETRAN’S, acharam viável CREDENCIAR novas empresas para monitorar as aulas teóricas e práticas, com o intuito de garantir que todas as aulas seriam ministradas, daí, surge a tal TELEMETRIA, segundo alguns Diretores Estaduais de Trânsito, revelam que a medida se deu por conta do atendimento a  Portaria 238/2014 do Departamento Nacional de Trânsito (DENATRAN), foi dai então, que surgiram novamente empresas (TELEMETRIA) para atuarem dentro dos Centro de Formação de Condutores (CFC’s), conhecido popularmente como autoescolas.

Vejam bem, já deu pra entender ai que autoescolas não são responsáveis pelos altos custos na aquisição das carteiras nacionais de habilitação (CNH’s) e sim o agregado de empresas que atuam dentro dos CFCs, como Clínicas Médicas, que cobram pelas consultas de Vista e Psicotécnico, Taxas abusivas dos Detran’s, empresas de Telemetria que cobram em alguns casos quase R$20,000 (Duzentos reais) e por fim, quem efetivamente trabalha no sol quente dia a dia para formar o condutor brasileiro, as autoescolas. Se formos fazer um comparativo, dentre os custos com as autoescolas e os custos com taxas, exames e telemetria, podemos afirmar que as autoescolas não cobram um valor justo para prestarem o serviço, pois, são elas que passam em média 3 meses para formar o condutor, enquanto essas outras empresas ficam no máximo um dia e outras não tem nem contato com o cliente. São essas e outras indignações que os proprietários de autoescolas carregam consigo.

Vejam bem, já que entenderam, como funciona basicamente um Centro de Formação de Condutores (CFC’s) ou autoescolas, como quiserem chamar, vamos visualizar a nossa realidade no Estado do Maranhão.

A direção do Departamento Estadual de Trânsito do Maranhão, que também preside a Associação Nacional dos Detran’s (AND), em live ontem (21/05), afirmou em diálogo que é muito possível que as aulas práticas não voltem a ser operadas no mês de junho, observem que CFC’s de todo o estado do maranhão, já estão sem funcionar a quase três meses e recebem uma noticia através de live, algo que não foi nem divulgado de maneira ampla, que ainda serão banidos de trabalharem por mais um mês.

Boa parte dos CFC’s são empresas meramente familiares, pessoas que atuam dia a dia no trabalho ao lado de seus pais, esposas, irmãos e familiares. Portanto, já carregam um fardo enorme com a carga tributária altíssima, empresas e grupos empresariais de renome internacional operando e ganhando dinheiro às custas do trabalho suado daquele pequeno empresário que está lá na ponta.

Com a divulgação de que possivelmente irão ficar mais um mês parados, já circula conglomerados proprietários de CFC’s e já articulam uma manifestação na porta do Detran-MA, pois, todos os outros serviços de transporte e trânsito não pararam de funcionar, taxistas, motoristas e app, transporte coletivo, frete, todos estão funcionando e garantindo, mesmo de forma reduzida seu ganha pão, enquanto que o Maranhão está proibindo o direito ao trabalho de cada empreendedor, cito mais, os boletos, as contas fixas, energia, telefones, alugueis, e muitos outras contas variáveis também estão acumuladas em cada CFC, fazendo tais micro e pequenos empresários do ramo ficarem a ponto de sairem correndo e pedirem socorro a quem quer que seja.

Fica o apelo, a população em geral que adira o movimento das autoescolas, para a VOLTA AO TRABALHO, assim como os caminheiros fizeram quando paralisaram o país.

#PrecisamosDasAutoEscolas

#SomosTodosAutoescola

E que o Detran – MA, siga o exemplo do Estado de Minas Gerais (MG) que já está operando com as autoescolas e formando os cidadãos para contribuir com um transito seguro, claro que as medidas de segurança sanitária não poderão ser esquecidas, mascaras, álcool em gel etc.. Segurança no trânsito e com a saúde.

 

JARDIM SANTA CLARA AO LADO DO MAIOBÃO NÃO RESISTIRÁ MAIS CHUVAS, POPULAÇÃO PEDE SOCORRO!!!

Na matéria anterior, trouxemos apenas um pouco de como está o bairro Maiobão, mostrando apenas as duas avenidas principais do bairro com o intuito de começarmos a mostrar cada comunidade, como Paço do Lumiar tem mais de 200 comunidades, teremos muito material para mostrar.

Hoje (22), não vamos longe, iremos mostrar uma comunidade que fica ao lado do maiobão, mais precisamente, logo após a avenida 14, isso mesmo, trata-se do Residencial Jardim Santa Clara, ou apenas Jardim Santa Clara, como é mais conhecido. Esta comunidade se encontra abandonada pela gestão municipal, é uma comunidade que daria vazão ao trânsito, pois, em sua avenida principal, que antes era trafegável, fica paralela a avenida 14 e termina na pista de ribamar (Av. Hilton Rocha), ou seja, não haveria necessidade de pegar outro acesso para chegar ao destino citado acima.

A avenida Hilton Rocha, via principal da comunidade Jardim Santa Clara, não é exceção do descaso do poder púbico, todas as transversais que seguem esta avenida se encontram na mesma situação ou talvez até pior. Os moradores estão literalmente ilhados e a situação ainda fica pior quando está chovendo. Ontem (21) por exemplo, com as chuvas, trovões e relâmpagos, parecia mais um filme de terror, a enxurrada desenfreada inundou algumas casas e a população está indignada com a inércia da prefeita em exercício Paula Azevedo (PCdoB), que vem gastando milhões com contratos possivelmente superfaturados e aproveitando o período da falta de exigibilidade de contratação via licitação para continuar usando o erário público através de dispensa, devido os decretos de calamidade pública emitidos pelo governo do estado e consequentemente pelo município, contudo, o executivo luminense, mesmo gastando a torto e a direito sem licitar nada e sem dar as devidas explicações à Câmara Municipal quando a mesma solicita. Inclusive, na próxima edição vamos trazer alguns materiais sobre o desrespeito do executivo ao legislativo e algo sobre os vereadores que estão apoiando o descaso municipal.

“É lamentável, que estejamos passando por essa situação, nossa avenida era toda asfaltada, nossas casas eram valorizadas, hoje não vale um tostão furado e nos sentimos um bando de mendigos que suplicam por moedas no semáforo ao pedir aos políticos que olhem por nosso bairro, ou apenas por nossa avenida”, comentou dona Joanna Albuquerque  da Silva Sá, moradora da localidade.

Essa é a situação e o sentimento de cada morador do Jardim Santa Clara, estão acoados, ilhados e sem perspectiva de melhorias. E mais, não fomos anda a zona rural de Paço do Lumiar, estamos bem aqui, ao lado, praticamente dentro do maiobão. A situação ainda fica mais caótica quando formos mostrar as comunidades mais longínquas, ai sim, só de mostrar dar um aperto no coração de quem visualiza.

Desejamos que a gestão municipal olhe com carinho esta comunidade e que faça ao menos o paliativo, como é de costume.

BURACOS, CRATERAS E MATAGAL, SÃO OS CARTÕES POSTAIS DE PAÇO DO LUMIAR-MA

Buraco na avenida 03 que foi tapado parcialmente por populares

Mesmo buraco na avenida 03 que foi parcialmente tapado por populares

Comunidades da zona rural de  Paço reclamam do abandono da gestão municipal, há locais que não se tem mais nem acesso por conta das crateras e no bairro Maiobão não é diferente.

Nessa edição especial, iremos falar apenas do Bairro Maiobão, que apesar de não ser o centro do município, detêm praticamente 90% da economia local, com o comércio vasto, duas feiras e uma terceira quando se arma uma feira livre ao lado da praça do Viva, bancos que se avizinham e vários estabelecimentos comerciais.

Rua 23 Próximo ao Caic, dificulta tráfego de motoristas

Enfim, com todo esse aparato e concentração comercial, o Maiobão é o bairro pólo do município, digamos que seja a metrópole rodeada por bairros denominados satélites, como: Paranã, Vila São José, Vila Cafeteira, Conj. Roseana e voltando um pouco temos, Res. Santa Clara, La Belle Park, Lima Verde.. Estes conglomerados bairros qe rodeiam o maiobão, fazem ainda do bairro uma espécie de centro, tendo em vista que a população dos bairros adjacentes buscam serviços bancários e outros serviços essenciais que no município só oferece neste bairro que foi construído pelo ex-governador João Castelo.

Portanto, um bairro que por sua localização, faz depender que seus bairros vizinhos passem obrigatoriamente por ele quando se precisar sair para São Luís e querendo ou não, as pessoas ao pegar o ônibus ou vans, obrigatoriamente terão que passear pelo maiobão e se assustarem ao ver tantos buracos e abandono.

Os buracos tomaram de conta das avenidas e ruas do bairro e inclusive a rota dos ônibus não foram poupadas. Com a intervenção no trânsito ainda na gestão do prefeito licenciado Domingos Dutra (PCdoB), houveram várias modificações, reformas e ações preventivas, como: pavimentação asfáltica em várias ruas, operação tapa buracos, limpeza que incluía pintura dos meio fios, sinalização viária e a troca iluminação pública por lâmpadas de led,etc…

Viva Maiobão em pleno matagal

Temos dois buracos que já fizeram aniversário e as más línguas já disseram que vão fazer um bolo e cantar os parabéns. Por serem buracos pequenos (porém fundos) e por sua localização atrapalham a trafegabilidade dos veículos, e se encontra nas vias principais de acesso das linhas de ônibus. Um buraco gigantesco na avenida 3 do maiobão que foi parte dele tapado com pedregulhos pelos próprios populares e outro descendo mais um pouco na rua que da acesso a avenida 14, o buraco está bem na entrada e os carros tem que passar praticamente subindo a calçada, a localização dessa rua bem simples de achar, trata-se da rua 23 próximo ao caic, quem desce a avenida 3 sentido feira do maiobão/caic, vai dar de frente pra ela e geralmente os veículos pegam uma pequena contra mão de direção para não ter que descer a avenida 13 para retornar. Esse buraco tem tirado a paciência dos motoristas que tem que passar diariamente pelo local. Esses dois buracos, exatamente na rota dos ônibus e vans.

Tem um outro buraco, bem na entrada da rua da Escola Bandeira Tribuzi, que também fica inviável trafegar, já aconteceu de chover e pessoas não perceberem que existe a cratera e caírem no buraco e ficarem atolados na espera de socorro de populares, além de danificar seus veículos.

Portanto, a população da Zona Rural que tanto reclama da falta de urbanismo (e com muita razão) ainda consegue passar pelo maiobão e visualizar o abandono. Se no maiobão que teoricamente é mais fácil de dar manutenção e não está recebendo, como efetivamente não está a zona rural??

Seguimos informando..

Vejam mais fotos abaixo:

Rua 01A ao lado da avenida 01 do Maiobão, ao lado do sinal luminoso

Pracinha da avenida 01 do Maiobão

 

VER. WELLINGTON SOUSA (PSB), SOLICITA AMBULÂNCIA MÓVEL COM UTI PARA O IGUAÍBA

Ver. Wellington Sousa (PSB)

Devido a Pandemia que estamos atravessando, a Câmara Municipal de Paço do Lumiar, está se reunindo por meio de vídeo conferência, assim como as demais casas legislativas do país.

Hoje (19/05), a sessão plenária contou com várias aprovações na casa legislativa, o Ver. Wellington Sousa (PSB), por exemplo, teve três indicações aprovadas e uma delas se refere ao deslocamento da Ambulância doada pelo governador Flavio Dino (PCdoB), para a prefeitura de Paço do Lumiar – MA, pois, o vereador solicita ao executivo luminense que a referida ambulância, que está devidamente equipada com UTI móvel e todos os utensílios para atender pacientes em situação crítica, seja deslocada para a comunidade do Iguaíba e comunidades adjacentes, uma vez que a comunidade esteja mais afastada e com acesso mais difícil e não possui ambulância. Baixe ou visualize AQUI a indicação do vereador.

Ao visualizar a pauta da sessão plenária, conseguimos perceber três projetos do vereador em questão, aonde todos foram aprovados em sessão no parlamento luminense.

As outras duas indicações aprovadas, referem-se a solicitação de antecipação do 13º Salário dos servidores para todos os servidores municipais, incluindo os ativos e inativos. Algo que poderá fazer a economia local se movimentar nesse tempo difícil que estamos enfrentando. Por fim, o vereador ainda indica que os Alvarás dos taxistas, não sejam cobrados pela gestão municipal, uma vez que suas rendas estão comprometidas por conta do isolamento social.

Sabemos da importância de cada projeto aprovado em sessão, agora, vamos ver o se a Prefeita em Exercício  Paula Azevedo (PCdoB) irá executar ou não.

aguardamos os próximos capítulos.

INDICAÇÃO DO VER. LEONARDO BRUNO SOLICITA VERBA IMEDIATA PARA INAUGURAÇÃO DE UBS’S

Ver. Leonardo Bruno (PP)

O Ver. Leonardo Bruno (PP), teve sua indicação aprovada hoje (19/05) pela Câmara Municipal de Paço do Lumiar – MA, através da sessão plenária feita por vídeo conferência.

Segundo o parlamentar, a ordem de quase 11 (Milhões de reais), a ser recebida pela gestão municipal do Governo Federal, oriundo do pacto federativo de enfrentamento ao COVID-19 (PL 39/2020), parte, deveria ser destinada ao aparelhamento das Unidades Básicas de Saúde (UBS’s), da Maioba, (Copacabana), Mercês e comunidade Nova Vida. 

“As referidas Unidades Básicas de Saúde (UBS’s), foram construídas na gestão passada e até a presente data não foram inauguradas, o recurso do programa de enfrentamento ao COVID-19, será suficiente para resolver esta situação que se tem perdurado ao longo da gestão”, justificou o vereador.

Na ocasião, vale ressaltar, que a matéria abaixo, cobrava a atuação do executivo e solicitava aos vereadores que tomassem uma posição energética sobre o assunto abordado na matéria anterior, que apontou um hospital abandonado na comunidade Mercês no município, portanto, o referido vereador, com a indicação, demonstra sua preocupação não apenas com o prédio que se encontra abandonado e sim com a população, no sentido de enfrentar com mais agressividade a pandemia, sobretudo, o mesmo não mediu esforços no sentido de tentar direcionar recursos para outras comunidades carentes, garantindo assim,  o acesso à qualidade de saúde e acesso à esses populares que se encontram vulneráveis e sem a devida assistência.

Baixe ou visualize a indicação do vereador na íntegra, clicando AQUI, vale lembrar que não tem o carimbo de protocolo devido à sessão plenária está ocorrendo via vídeo conferência.

Seguiremos informando aos nossos leitores, sobre outros projetos aprovados, indicações, requerimentos etc.

Obs.: Matéria editada às 14:59 para correção de informação.

EM PLENA PANDEMIA, SE VISUALIZA HOSPITAL ABANDONADO EM PAÇO DO LUMIAR – MA

Morador  grava vídeo denunciando abandono de posto de saúde na zona rural de Paço do Lumiar – MA.

Segundo o vídeo, o morador Américo do Paço, como é mais conhecido, mostra o posto de saúde abandonado, no povoado Mercês em Paço e mostra hospital, cheio de mato, vidraças quebradas, abandonado, sendo que o hospital poderia ajudar com atendimentos durante essa pandemia.

A gestão municipal, tem feito contratos milionários com empresas que atuam fora do estado do Maranhão para fazer a sanitização em locais públicos, outra empresa por quase dois milhões para fornecer alcóol em gel e se esquece que não se tem hospitais. Em Paço, não se tem maternidade, nunca conseguiram inaugurar a UPA, unidade mista funciona em situação precária em um prédio da Policlínica por conta da reforma e ampliação que nunca terminou, enfim, do que adianta ter álcool em gel, empresa pra sanitizar ambientes públicos tudo contratado sem licitação se a população não tem acesso à saúde pública.

O Governo Municipal, em sua elegância pelo que o nome exige, deveria equipar nossos hospitais, deveriam ao menos fornecer o mínimo de qualidade na prestação de serviços à população sofrida. Sabemos que os profissionais da saúde do município fazem o que podem, se doam o máximo e se arriscam além do que deveriam, porém, enquanto isso, a população fica a “mercê no povoado Mercês”  e em toda Paço do Lumiar-MA, pela falta de organização e gestão da saúde, e a prefeita em exercício Paula Azevedo (PCdoB), nesse meio tempo, distribui altos salários (Tem funcionário que recebe a bagatela de 20.000mil).

Diante dessa situação deplorável com a saúde pública, fica a pergunta: Aonde está o (a) Secretário (a) de saúde do município? e a prefeita luminense??? aonde estão nossos nobres vereadores para fiscalizar e pressionar o executivo?

Lamentável.

VEÍCULO DA PREFEITURA DERRUBA MURO DE CEMITÉRIO EM PAÇO DO LUMIAR – MA

Veículo não identificado, de posse da Prefeitura Municipal de Paço do Lumiar – MA, perde o controle e derruba parte do muro do cemitério da comunidade de Pau Deitado. Segundo os moradores, a população se reuniu para que juntos em sinergia, pudessem reconstruir parte do muro destruído  pelo veículo e assim minimizar os estragos causados pelo condutor que se evadiu do local.

Nesta edição, trouxemos um vídeo da comunidade do Pau Deitado que se encontra isolada e esquecida pela gestão Luminense. Lideranças populares e religiosas se reúnem para fazer operação de reconstrução do muro do cemitério, que foi derrubado por um veículo da prefeitura  e segundo informações ainda colhidas por nossa equipe, dão conta, que além da reconstrução do muro, aqui e ali a comunidade também se

Imagem obtida junto com o vídeo acima

reúne para fazer operação “tapa-buracos” e ações paliativas no sentido de trafegarem e ainda permanecerem com o direito de ir e vir intacto, isso mesmo, uma espécie de mutirão, aonde os próprios moradores fazem uma arrecadação e metem as mãos na massa para tentar diminuir os estragos causados pela falta de manutenção e apoio do poder público.

A população da zona rural, também se reclama todos os dias do abandono por parte da gestão municipal, no comando da prefeita em exercício Paula Azevedo (PCdoB). A situação que as chuvas deixaram o município está gerando desconforto e indignação, pois, isso denota que não houve nenhuma ação preventiva para a chegada das chuvas.

Este vídeo, viralizou nas redes sociais e ganhou uma certa repercussão diante de vários comentários que giraram em torno da publicação em grupos de whatsapp em vários grupos políticos que existem na cidade e em outros grupos sociais não ligados à política, pois, as pessoas querem saber qual foi o veículo da prefeitura que colidiu no muro e o quem vai pagar pelo conserto do veículo, já que o muro do cemitério quem está pagando é a própria população.

É lamentável noticiar que além desse incidente, existem localidades em que o acesso é impossível inclusive andando. Ruas e avenidas esburacadas e a cada chuva, cada buraco se torna uma cratera.

Vale ressaltar, que sabemos da pandemia que o mundo inteiro está passando e também sabemos que qualquer tipo de obra no momento está vedado por conta do Lockdown decretado pelo Governador do Estado (PCdoB), entretanto, cabe lembrar que ações preventivas deveriam ter antecedido ao período chuvoso para que a população não sofresse tanto com a falta de infraestrutura, prejudicando de forma exponencial a falta de urbanismo e de tráfego de pedestres, ciclistas e motoristas em geral.

A comunidade de Pau Deitado em Paço do Lumiar, pede socorro e o município inteiro se encontra em coma na UTI. Falta tudo, não se tem segurança, não se tem educação e saúde… nem hospitais se tem! Paço do Lumiar também não tem estrutura pra receber um paciente se quer para o tratamento de suspeita de Covid-19.

Os problemas enfrentados pela população de Paço vai além das buraqueiras que se encontra o município, vai tão além, que qualquer matéria relacionada a qualquer coisa, se esbarra em educação, saúde e segurança. Enquanto isso, a prefeita em exercício distribui super salários para seus aliados e passeia em fotos lavando logradouros públicos e visitando UBS’s, ou seja, efetividade na resolução dos problemas, nada.

PREFEITO FRED SOLTA O VERBO E É ELOGIADO EM PROGRAMA DA BAND

Com sua forma peculiar de falar, o Prefeito Fred Maia (MDB) de Trizidela do Vale – MA, ganha elogios no programa Band News e ainda recebe menção à indicação para ocupar o cargo de Ministro da Saúde no governo Bolsonaro.

Sabemos que a indicação ao cargo de ministro é apenas uma forma de elogiar a ação energética do prefeito maranhense, que enfrenta em seu município as corriqueiras enchentes provocadas por conta do Rio Mearim transbordar em detrimento das chuvas. Talvez, seja o município que mais sofre em relação a todos os outros municípios maranhenses que estão apenas tentando combater o COVID-19, ao contrario de Trizidela, que além de combater o vírus tem que se preocupar em alojar os desabrigados que beiram a marca de quase 4.000. Escolas, Estadio de futebol, Igrejas, quartos de hotel e até repartições públicas já foram transformados em abrigos para pouco menos de 1500 desabrigados, ou seja, o prefeito, com toda a sua boa vontade, não conseguiu nem contemplar a metade da população desabrigada por conta da enchente do rio e ainda tem que se preocupar com o corona vírus.

“Tem uns filhos de umas éguas que estão indo fazer visita. Vai fazer visita na casa da sua mãe, pô. Não vai pra dentro dos abrigos não. […] As coisas agora vão ser assim, na porrada, no spray de pimenta pras pessoas aprenderem”, explodiu o prefeito Fred Maia (MDB).

Com sua forma explosiva de falar, segundo os munícipes, surtiu efeito e o isolamento social na cidade está sendo cumprida com mais efetividade. Contudo, vale lembrar, que o que mais assola Trizidela não é o corona vírus e sim os desabrigados e a situação que o município está vivendo em meio a todo esse alagamento que já é comum acontecer, porém, esta cheia do Rio Mearim, segundo especialistas, é a maior desde 2009.

 

ESCOLA CAIC SE ENCONTRA INSTALADA NO MEIO DE UM MATAGAL NO BAIRRO MAIOBAO

Escola CAIC, se encontra em pleno Matagal

A prefeita em exercício de Paço do Lumiar – MA, Paula Azevedo (PCdoB), literalmente abandonou as escolas públicas do município e nessa edição especial, iremos falar especificamente da escola municipal CAIC, situada no bairro Maiobão.

Lateral da escola com bueiros quebrados e parte sem muro

Então vamos lá, para entender um pouco sobre essa história, vamos retroceder um pouco e visualizar como surgiram os CAIC’s. Na verdade, o nome inicialmente era CIAC (Centros Integrados  de Atenção a Criança e ao Adolescente), que foi instituído pelo Decreto Lei nº 91/1990, ainda na gestão do ex-presidente Fernando Collor de Melo,  através do extinto Ministério da Criança, que contemplava na coordenação a LEGIÃO BASILEIRA DE ASSISTÊNCIA.

Crateras que estão na parte de trás da escola

Autores da educação apontam que o projeto tem inspiração em dois projetos anterioresː o Escola Parque, de idealização de Anísio Teixeira; e os Centros Integrados de Educação Pública (CIEP), mentalizados por Darcy Ribeiro[1] e construídos pelo estado do Rio de Janeiro na gestão Leonel Brizola, na década de 1980,[2], com projeto arquitetônico de Oscar Niemeyer.

Após o afastamento e renúncia de Collor, o governo Itamar Franco, extinguiu o Ministério da Criança e remodelou algumas ações, surgindo o “Projeto Minha Gente” como “Programa Nacional de Atenção à Criança e ao Adolescente” – PRONAICA.

Mais um bueiro aberto bem no canto da entrada da rua da escola Caic

No bojo das mudanças, os CIACs viraram CAICs, Centro de Atenção Integral à Criança e ao Adolescente.  Até ai tudo bem, o governo federal geria com muito zelo e havia escola de qualidade, após isso, foi repassada a responsabilidade da gestão escolar para o Governo Estadual do Maranhão que cumpriu muito bem o papel, por fim, foi repassado aos governos municipais. A partir desse ponto, com a falta de estrutura para gerir as escolas e com os altos índices de corrupção em vários municípios do país, estamos vendo a decandência dos CAIC’s em todo o Brasil, porém, em Paço do Lumiar – MA, está acima do absurdo, uma vez que a escola se encontra plantada no meio de um matagal, com crateras tanto adornando a porta dos fundos, como na entrada, lixo na porta da frente e em alguns locais não existem se quer mais muros.

Na gestão ainda do Prefeito licenciado Domingos Dutra (PCdoB), ainda ouve intervenção e algumas reformas, foram retirados os alambrados e feito uma espécie de mureta com colunas e entre elas uma grade, além de algumas melhorias internas. Contudo, após o prefeito Domingos Dutra se afastar devido a sua condição de saúde, a prefeita em exercício Paula Azevedo (PCdoB), esqueceu completamente de sua obrigação com o zelo da referida escola, deixando os luminenses completamente indignados com o desmantelo, principalmente, aqueles que um dia estudaram lá.

Faremos uma abordagem mais aprofundada com relação a escola CAIC do Maiobão, e de outras escolas municipais, para que possamos mostrar a realidade a todos os nossos leitores e que a câmara municipal venha intervir no sentido de cobrar soluções urgentes a respeito desse descaso.

A população está em cima e nós estamos de olho!

Vejam mais fotos abaixo;